Coleção The 4 Horsemen (Os 4 cavaleiros), de T.A.Chase

Atualizado: 9 de dez. de 2020

Uma das coisas que faço MUITO nas horas vagas (se é que isso ainda existe) é ler. Gosto de todo tipo de literatura, desde que não sejam biografias e romances adolescentes. Esses, não são todos que leio ou decido terminar.

Minha maior paixão é ler romances gays. Sempre adorei esse tipo de história, seja em texto, quadrinhos, animação (principalmente as japonesas - anime), séries, filmes. Claro que existme histórias melhores e outras nem tão boas assim. Mas vai muito de gosto e, é claro, um pouco de análise.

Uma vez por mês vou fazer uma resenha de alguma história LGBTQIA+, em qualquer um desses formatos, para divulgar um pouco as obras de outros autores quem como eu, acreditam que romance é romance, independente de gênero e que a felicidade (ou tristeza) não admite discriminação! Vou começar com uma das minhas histórias favoritas! Coleção The 4 Horsemen, de T.A.Chase, composta de 5 livros. Nem preciso dizer qual é o tema, não é mesmo?

Praticamente todo mundo conhece ou já ouviu falar sobre os Quatro Cavaleiros do Apocalipse, aqueles que, irão cavalgar, espalhando as desgraças que culminarão com o fim da humanidade. Essas figuras simbólicas são citadas na terceira visão profética do Apóstolo João, no livro bíblico Revelação (ou Apocalipse) e são, respectivamente: Pestilence (Peste); War (Guerra); Famine (Fome) e Death (Morte).


Como todas as figuras simbólicas, eles aparecem em muitos lugares, já foram protagonistas de muitas histórias e povoam o imaginário de muitas pessoas. Na visão bíblica do Apocalipse, após as trombetas e a quebra do sétimo Selo, este seria o primeiro Cavaleiro a percorrer a Terra.

Imaginem se, ao invés de serem percursores da desgraça humana, esses quatro cavaleiros fossem, na verdade, responsáveis por manter o equilíbrio do mundo? Pensem em como seria ter a responsabilidade de observar aos homens e, ao primeiro sinal de desequilíbrio, ter de agir, ceifando vidas, para reestabelecer a ordem natural? É um peso grande nos ombros, não concordam?

E, se você somar a isso, o fato de que cada um desses cavaleiros é, na verdade, uma alma humana “amaldiçoada” por ter perdido ou desperdiçado sua própria vida e que, para espiar esse “pecado”, precisam assumir o posto de Cavaleiro até que sua dívida com Deus seja espiada? Quão angustiante e empolgante seria?


SOBRE AS OBRAS

A coleção escrita por T.A. Chase está concluída. Os livros seguem a ordem contemplada na Bíblia. Primeiro, vem a Peste, que adoece e enfraquece os homens. Se ela não for capaz de resolver, surge a Guerra, originada do enfraquecimento e da tentativa de retomada de poder. Depois da Guerra, vem a Fome, causada pelas mortes e disputas mundanas. No fim, se nada disso adiantar, virá a morte, ceifando em massa todos aqueles que ficaram pelo caminho.

E o quinto livro é o quê? Bom... Death, o líder do grupo, precisa receber as missões de Deus pelas mãos de alguém, não é mesmo? O quinto livro é dedicado a Lam, o “Cordeiro de Deus”, amante de Morning Star (também conhecido como Lúcifer) e o responsável por passar as missões dos cavaleiros para Death, além de ajudar todos os Cavaleiros a manterem o equilíbrio no mundo.

Ficou a fim de ler? Bom, tenho uma boa e uma má notícia para você. Vou começar pela má.

Infelizmente, não temos esses livros incríveis traduzidos para o nosso idioma, porque nenhuma editora nacional investiu na tradução das obras de T.A. Chase. Esperamos que isso mude e a gente comece a ter mais obras desse estilo por aqui. Então, como não temos opção em nosso idioma, os livros estão todos em inglês. É uma linguagem acessível? Sim. Não é um inglês complexo, com termos técnicos. Mas, não é o nosso bom e velho português.

A notícia boa é que, na Amazon, você encontra todos esses livros, inclusive em formato digital, por um preço MUITO acessível. Aliás, você consegue encontrar todos os livros de T.A. Chase, que são MUITOS!


SOBRE A AUTORA


T.A. Chase é uma das maiores (e melhores) autoras histórias de homens que amam homens, como ela mesma se define. Mas é muito além disso, porque não importa o gênero da pessoa. São histórias de pessoas encontrado a sua outra metade. Lindo, não é mesmo? O mundo precisa MUITO de histórias assim: de pessoas que se completam e caminham juntas, felizes e plenas.

O primeiro livro publicado da autora foi “Stealing Life”, em setembro de 2010. Hoje, já possui mais de 20 obras publicadas, todas sobre homens que amam homens.

Sou muito suspeita porque o estilo narrativo de T.A. Chase é um dos meus favoritos! Geralmente, ela escreve em terceira pessoa (u-huuuuu!); as histórias são romances muito bem estruturados, com personagens complexos e esféricos, ambientação muito bem construída. É praticamente impossível não se transportar para os cenários que ela cria.

Se você não conhece, vale a pena procurar e ler. E seguimos torcendo para que, logo, tenhamos mais obras dessa temática publicadas no Brasil.


Até a próxima semana com mais uma postagem! Obrigada por ter lido até aqui e deixe o seu comentário!

101 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo